.: Lucros dos bancos continuam altíssimos

Itaú Unibanco, Banco do Brasil, Bradesco e Santander estão reclamando da queda nos lucros, porque o ganho será menor que o de 2019. Somados, os lucros chegam a R$ 63,9 bilhões em 2020. No entanto a reciprocidade para com os bancários cada vez mais em baixa.

Os números mostram que os resultados estão longe de ser uma tragédia. Mas ainda assim os bancos “choram” por uma queda nos lucros de 26% em relação ao ano anterior.

Para fazer frente ao aumento esperado dos calotes, os bancos fizeram provisões bilionárias em seus balanços. Foram essas despesas as principais responsáveis pela queda dos lucros ao longo de 2020. Também teve ataque das novas empresas de tecnologia ou a concorrência das fintechs.

Nos bancos temos a exata dimensão de que pode haver redução dos lucros, mas jamais é prejuízo.

Para José Antonio Fernandes Paiva, presidente do Sindban “prejuízo tiveram sim os bancários , demitidos durante a pandemia, adoecendo dentro das agências, sendo vítimas de assédio e sem sequer a reposição da inflação em seus salários”.

Paiva argumenta ainda que os bancários querem “o mínimo condições sanitárias que previnam a pandemia, querem vacinas, respeito à vida, acima da ganância pelos lucros”.

Youtube

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente