.: SINDBAN na luta em Defesa da Caixa

O SINDBAN (Sindicato dos Bancários de Piracicaba) iniciou nesta terça-feira (15/8) diversos atos nas agências da Caixa Econômica para marcar a mobilização do Dia de Luta em Defesa da Caixa, que está sendo realizado por sindicatos de todo o país.

Nesta terça-feira, as atividades se concentraram em Piracicaba e atingiram 9 agências, nas quais foi feito um manifesto e a leitura de uma Carta Aberta, que explica toda estratégia do desmonte imposto pelo governo ilegítimo de Michel Temer, com fechamento de unidades, descomissionamentos, ataque ao plano de Saúde Caixa, regulamentação da terceirização dentro das unidades da Caixa, o perigo de venda da Lotex (loteria) e entrega - principalmente do FGTS - para os bancos privados. 

Diretores do SINDBAN estão conversando com a categoria sobre as medidas que estão sendo tomadas para evitar o enfraquecimento da Caixa, que é responsável pelas políticas socais (Minha Casa/Minha Vida, financiamento de saneamento básico, seguro-desemprego) e atende à população de baixa renda.

Outra questão muito importante que vem impactando a qualidade de vida do bancário da Caixa e da população é a demissão de empregados, sem contratação de pessoas para repor essas vagas dentro das unidades. Isso acarreta em mais acúmulo de trabalho para quem fica e também piora no atendimento à população brasileira.

As manifestações do SINDBAN vão prosseguir durante toda a semana em 5 municípios da região.  

O SINDBAN (Sindicato dos Bancários de Piracicaba) iniciou nesta terça-feira (15/8) diversos atos nas agências da Caixa Econômica para marcar a mobilização do Dia de Luta em Defesa da Caixa, que está sendo realizado por sindicatos de todo o país.

Nesta terça-feira, as atividades se concentraram em Piracicaba e atingiram 9 agências, nas quais foi feito um manifesto e a leitura de uma Carta Aberta, que explica toda estratégia do desmonte imposto pelo governo ilegítimo de Michel Temer, com fechamento de unidades, descomissionamentos, ataque ao plano de Saúde Caixa, regulamentação da terceirização dentro das unidades da Caixa, o perigo de venda da Lotex (loteria) e entrega - principalmente do FGTS - para os bancos privados. 

Diretores do SINDBAN estão conversando com a categoria sobre as medidas que estão sendo tomadas para evitar o enfraquecimento da Caixa, que é responsável pelas políticas socais (Minha Casa/Minha Vida, financiamento de saneamento básico, seguro-desemprego) e atende à população de baixa renda.

Outra questão muito importante que vem impactando a qualidade de vida do bancário da Caixa e da população é a demissão de empregados, sem contratação de pessoas para repor essas vagas dentro das unidades. Isso acarreta em mais acúmulo de trabalho para quem fica e também piora no atendimento à população brasileira.

As manifestações do SINDBAN vão prosseguir durante toda a semana em 5 municípios da região.  

.: Veja Mais

Imagem Indisponível

Ministério da Justiça multa oito bancos por deficiências na segurança de agências

Imagem Indisponível

Dia Nacional de Luta tem apoio do SINDBAN

Imagem Indisponível

Com Lula, Brasil passou ao crescimento com redistribuição de renda

SINDBAN TV

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente