.: Previdência: idade mínima de 65 anos é só o começo

O aumento da idade mínima para 65 anos, igualando homens e mulheres, prevista na reforma da Previdência proposta pelo governo Temer, pode também estabelecer uma espécie de “gatilho” que permitiria elevar ainda mais o piso da idade, conforme o crescimento da sobrevida média

Sobrevida média corresponde à quantidade de anos de vida da população após a aposentadoria.

A fórmula de acionamento do gatilho, segundo veiculado em alguns jornais, deve levar em conta mais de um cenário, e ainda terá definido o intervalo que estabelecerá o aumento da idade mínima para dar entrada na aposentadoria.

A reforma que será apresentada pelo governo Temer também deve propor a elevação do tempo mínimo de contribuição (atualmente de 15 anos para aposentadoria por idade) para 25 anos, e vincula o pagamento integral do benefício a um período maior de contribuição, entre 45 e 50 anos.

O governo Temer recuou da sua intenção inicial de enviar ainda em setembro o texto da reforma da Previdência para o Congresso e adiou a apresentação para novembro, após o segundo turno das eleições municipais. 

SP Bancários

.: Veja Mais

Imagem Indisponível

Procon quer estimular denúncia contra banco que não transfere dívida

Bancários da Nossa Caixa coletam assinaturas em defesa da manutenção dos seus direitos

Imagem Indisponível

Após BC, hackers atacam sites do PanAmericano, Citibank e BMG

SINDBAN TV

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente