.: Nossos Direitos estão em Risco: Fenaban adia resposta sobre pré-acordo para garantir validade da CCT até renovação

Primeira rodada

A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) adiou sua resposta sobre a assinatura de um pré-acordo, para garantir a validade dos direitos da categoria até a renovação da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), durante a primeira rodada de negociação com o Comando Nacional dos Bancários, realizada nesta quinta-feira (28), em São Paulo. Após três horas, os representantes dos bancos disseram que a possível resposta será apresentada na próxima rodada, a ser realizada no dia 12 de julho, na capital paulista. “Percebe-se que a Fenaban preferiu utilizar uma péssima estratégia ao não dar resposta à reivindicação prioritária da categoria, que é a assinatura do termo de compromisso que prorroga a CCT durante o processo de negociação, e essa será fortemente repudiada e compatida”, comenta o Presidente do SindBan, Jose Antonio Fernandes Paiva.

Pré-acordo

O termo é uma necessidade porque o também chamado acordo coletivo de trabalho perde validade no dia 31 de agosto deste ano e a nova legislação (Lei nº 13.467, reforma trabalhista) acabou com a ultratividade das normas coletivas, que assegurava a prorrogação da CCT durante o processo de negociação. “Sem pré-acordo, nenhum direito está garantido. O que é inédito nas três últimas décadas. Diante dessa postura da Fenaban, é preciso intensificar a mobilização em defesa da CCT”, destaca o secretário da Federação Federação dos Bancários de SP e MS, Reginaldo Breda.

Pauta

A pauta de reivindicações aprovada na 20ª Conferência da categoria realizada entre os dias 8 e 10 deste mês de junho em São Paulo, foi entregue à Fenaban no último dia 13. Entre as reivindicações, além da assinatura do pré-acordo, reposição da inflação registrada no período de setembro de 2017 e agosto deste ano, 5% de aumento real, garantia de emprego e proibição de demissões em massa. A data-base da categoria é 1º de setembro.

Bancos públicos

A primeira rodada de negociação da pauta específica com o Banco do Brasil será nesta sexta-feira (29); com a Caixa Federal a rodada ainda não está definida.

Bruna Togni - MTB 81055/SP Com informações FEEB SPMS

.: Veja Mais

Caixa lucra, mas tem saldo negativo de 1.188 postos de trabalho

Imagem Indisponível

Em seu terceiro dia, bancários intensificam paralisação na região de Piracicaba

Roberto - ContrafCut

Povo na rua, Congresso recua: Suspensa a Reforma da Previdência

SINDBAN TV

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente