.: 25 obras estão na 110ª. Mostra Cultural do Sindicato dos Bancários

A exposição Colorindo o Túnel da Memória 2012 foi aberta hoje, no Sindicato dos Bancários de Piracicaba e Região.  O acervo conta com 25 quadros pintados pelos pacientes do Caps II (Centro de Atendimento Psicossocial), que participaram do evento de abertura. A mostra é aberta ao público, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30 e fica até o dia 31 de maio.

Os quadros pintados pelos artistas: Raniel Assis dos Santos, Carlos Alberto Hilário, Joceli dos Santos Matteucci, Alex Sandro Shiraga, Ivanildo Donizete de Farias, Márcio Martins de Souza, Rosalina de Mello Vieira, Simão Bernardo da Costa e Virgínia Gimenez Galbo, contam com um colorido especial e com a sensibilidade que cada artista transportou para as telas.

Esta é a segunda vez que os pacientes do Caps expõem seus trabalhos no Sindicato dos Bancários. Para a psicóloga do Caps II Maribel Vazquez, a abertura desse espaço é muito importante para a socialização desses pacientes. “No Caps trabalhamos com a linha da não internação, na tentativa da ressocialização e do tratar direto com a comunidade e com a família. Há casos em que a internação é necessária, mas a chance de recuperação é maior quando os pacientes permanecem em seu convívio familiar”, explica.

Uma das artistas, Rosalina Maria Mello Vieira, pintou quatro quadros para a exposição. Para ela expor suas emoções nas telas é uma forma de superar os momentos difíceis pelo qual passou. “Coloco nas telas as visões que tinha quando estava em crise. No quadro Mandala, por exemplo, expresso meus medos e o momento que a vida sorriu de novo para mim”, salienta.

Já o artista Alex Sandro Shiraga expôs o quadro pescaria. Para Alex, que começou a frequentar o Caps há um ano, a aula de pintura dá a ele a sensação de tranquilidade. “Depois         que comecei a pintar e a participar do Caps minha vida mehorou muito”, salienta.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários, José Antonio Fernandes Paiva, entidade sempre atuou de forma democrática para que todas as manifestações artísticas possam ter a chance de expor seus trabalhos. “Essa é a segunda vez que o Caps expõe os trabalhos no Sindicato, sendo que a primeira exposição motivou um importante diálogo na Câmara de Vereadores em que se discutiu a forma como a saúde mental é tratada pelo município”.

Há 12 anos o Sindicato dos Bancários socializa o espaço da sede para as manifestações artísticas da cidade. De acordo com a diretora de cultura Sandra Oliva Stefanovitz, essa atitude é uma forma de dar oportunidade aos artistas da cidade que não encontram locais para expor suas obras. “Nosso sindicato é aberto para a comunidade. Basta nos procurar que agendamos a exposição”, disse. Sandra reforçou ainda que a sede da entidade fica mais bonita e mais alegre quando promove exposições. “É interessante imaginar o que o artista quis transmitir ao pintar um quadro e qual a mensagem que quer nos passar”, salienta.

Caps – O CAPS II é uma unidade de Saúde Mental de Piracicaba, que atende portadores adultos de sofrimentos psíquicos, que necessitam de atendimento intensivo. A unidade conta com uma equipe formada por médicos, psicólogos, assistente social, terapeutas ocupacionais, artista plástico e enfermeiros. Há cadastrados mais de 8000 prontuários no serviço, e aproximadamente 300 usuários frequentam o local semanalmente .

Na unidade são realizadas atividades terapêuticas (artísticas, esportivas, musicais, corporais etc), além de passeios, festas e viagens programadas anualmente. O objetivo é evitar a cronificação de sintomas e a evolução da doença, na busca da inclusão social, do resgate da cidadania e da participação na comunidade.

A Oficina de Pintura funciona desde 2009 dentro do Caps e oferece aos usuários que manifestam interesse e habilidade, uma chance de desenvolverem um trabalho artístico próprio. São pessoas que não frequentaram cursos de desenho e pintura, porém com uma intensa capacidade criativa e necessidade/vontade de produzir.

Dia 18 de maio é comemorado  o Dia da Luta Anti Manicomial, que simplificadamente significa comemorar que os sujeitos portadores de transtornos mentais possam tratar-se em equipamentos de saúde adequados as suas necessidades, possam ser vistos como cidadãos com capacidade produtiva, e não excluídos socialmente. 

 

Fernanda Moraes - MTB. 28535

Assessoria de Imprensa do Sindicato dos Bancários de Piracicaba e Região

Fone: (19) 3417- 1350 / 9171-7716

 

.: Veja Mais

Mãe de bancária aposentada do Santander terá direito a plano de saúde vitalício

Imagem Indisponível

Bancário e Bancária Padrão serão conhecidos amanhã

Imagem Indisponível

Centrais sindicais reúnem-se com presidenta Dilma

SINDBAN TV

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente